BEM VINDO AO HOSPITAL ESTADUAL DE URGÊNCIAS DE ANÁPOLIS DR HENRIQUE SANTILLO
Atenção humanizada à disfagia

Atenção humanizada à disfagia

Degustar os alimentos está entre as práticas mais comuns e prazerosas do ser humano, porém, muitas pessoas possuem um distúrbio denominado disfagia. O nome pode ser estranho, mas o problema é mais comum do que se imagina, podendo ser identificado por meio da dificuldade ou problemas ao engolir.  

Pensando nessa realidade tão comum, e ao mesmo tempo desconhecida, na próxima sexta-feira (20) comemora-se o “Dia de atenção à disfagia”, com intuito de alertar à população sobre os riscos do problema, que pode resultar em desnutrição e desidratação. Além disso, o paciente pode ser exposto ao risco de aspiração (quando o alimento vai erroneamente em direção aos pulmões) e suas complicações, principalmente, pneumonias.

No Hospital de Urgências de Anápolis Doutor Henrique Santillo (HUAna), a disfagia é trabalhada desde a entrada do paciente, diminuindo os riscos de pneumonia. “Já intervimos assim que o paciente sai do período mais agudo e fazemos o acompanhamento nas Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e enfermarias, para que ele saia do hospital com a deglutição melhor e sem o uso de vias alternativas, como as sondas”, explica a fonoaudióloga Stela Lumena.

Segundo ela, o trabalho envolve especialmente a atenção humanizada ao paciente e seus cuidadores, já que o principal objetivo é promover a qualidade de vida, devolvendo a capacidade de se alimentar com prazer e segurança.

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Tradução »
Skip to content