Equipe de nutrição do Heana participa do 2º Prêmio “Vim viver os 11 passos”, voltado ao combate à desnutrição hospitalar

Com foco no combate à desnutrição hospitalar, o Hospital Estadual de Anápolis Dr. Henrique Santillo promove e participa de diversas ações positivas. A equipe de nutrição da unidade participa do 2º Prêmio “Vim viver os 11 passos – diga não à desnutrição hospitalar”, uma iniciativa da Sociedade Brasileira de Nutrição Parenteral e Enteral (BRASPEN/SBNPE) e da Danone.

“É uma iniciativa que nos enche de orgulho, pois acreditamos que a adoção desses passos pode fortalecer o trabalho interno que já é feito de combate à desnutrição no Heana. Nossa equipe já ficou entre as 10 melhores colocadas nesta premiação, caminhando agora para a segunda fase. Compartilho com muita alegria com todos e sinceros agradecimentos à diretoria, que permite trabalharmos com seriedade. Nossa gratidão também a todas as equipes que permitem cada passo acontecer”, declara Giordana Pires Souza de Paula, supervisora de nutrição clínica no Hospital Estadual de Anápolis Dr. Henrique Santillo.

As três melhores equipes ganharão prêmios, que incluem equipamentos hospitalares, pacotes completos (passagem, estadia e inscrição) para o congresso da BRASPEN que será realizado no ano que vem e certificado de premiação. As instituições vencedoras também terão seus trabalhos apresentados no próximo congresso da BRASPEN.

Confira – 11 passos para o combate à desnutrição

D – Determine o risco e realize a avaliação nutricional

E – Estabeleça as necessidades calóricas e proteica

S – Saiba a perda de peso e acompanhe o peso a cada 7 dias

N – Não negligencie o jejum

U – Utilize métodos para avaliar e acompanhar a adequação nutricional ingerida VS estimada

T – Tente avaliar a massa e a função muscular

R – Reabilite e mobilize precocementeI – Implemente pelo menos dois indicadores de qualidade

Ç – Continuidade no cuidado intrahospitalar e registro dos dados em prontuário

à – Acolha e engaje o paciente e/ou familiares no tratamento

O – Oriente a alta hospitalar